Notícias

Carteira gera receita de R$ 3,4 bilhões e cria oportunidade para o Corretor


Fonte: CQCS


Dados oficiais da Susep indicam que os seguros com cobertura para riscos financeiros, garantias e créditos permanecem figurando entre as carteiras que mais crescem no mercado brasileiro em 2019. De acordo com a autarquia, juntos, esses segmentos geraram um volume de receita da ordem de R$ 3,4 bilhões no acumulado de janeiro a setembro. Esse valor é 8,3% maior que o apurado no mesmo período, em 2018.

Os números divulgados pela Susep indicam que esse crescimento poderia ser bem maior. Contudo, o desempenho dessas carteiras em setembro foi, até agora, o pior do ano para as seguradoras. A receita registrada ficou pouco abaixo de R$ 125 milhões, com queda de 67% em comparação a agosto e de 66,7% se comparado ao mesmo mês no ano passado.

Já a taxa média de sinistralidade teve pequeno avanço entre os dois períodos comparados, passando de 30% para 31%.

A soma referente aos sinistros ocorridos de janeiro a setembro - cerca de R$ 894 milhões - foi 28,3% maior que a computada no mesmo período, em 2018.

Já as despesas comerciais, que englobam as comissões de corretagem e gastos com campanhas comerciais, atingiram a marca de R$ 512,6 milhões nos três primeiros trimestres deste ano, com crescimento de 15,8% em relação ao montante registrado de janeiro a setembro de 2019.


« Voltar