Notícias

Os corretores de seguros terão papel central na adequação do mercado à normativa da Susep


Fonte: C Q C S


Em artigo publicado pelo Estadão, no último dia 25/03, Antonio Trindade, presidente da Federação Nacional de Seguros Gerais, FenSeg, destacou como o Corretor de Seguros é importante para fazer o setor de seguros alcançar um novo patamar regulatório no segmento de Danos e Responsabilidades.

Isso porque a Circular 621/2021 moderniza a comercialização de contratos de seguros de danos massificados. Além disso, a regulamentação amplia a flexibilidade na contratação das coberturas, de modo que um mesmo produto possa atender diferentes necessidades do segurado.

De acordo com a opinião do executivo, “a regulamentação amplia a flexibilidade na contratação das coberturas, de modo que um mesmo produto possa atender diferentes necessidades do segurado. Ela contribui ainda para tornar as relações de consumo mais transparentes, sem perder de vista a fiscalização das autoridades”.

Nesse contexto, o Corretor de Seguros “os corretores de seguros terão papel central na adequação do mercado à normativa da Susep, na medida em que o consumidor vai precisar de uma venda mais consultiva”.

Ele também pontuou que, “diante de um mercado em constante evolução, o profundo conhecimento dos corretores a respeito das necessidades e demandas dos segurados será de vital importância para a comercialização e a distribuição dos novos produtos de seguros”.


« Voltar