Notícias

O futuro do setor e do corretor de seguros em debate no Fórum de Oportunidades


Fonte: Sincor-SP


Com feira interativa e bate-papo dos presidentes, Araraquara, Barretos, Bauru, Marília e São José do Rio Preto receberam a etapa do evento nesta quarta-feira (15/09)

Os corretores de seguros das regiões Araraquara, Barretos, Bauru, Marília e São José do Rio Preto participaram da segunda etapa do Fórum de Oportunidades - Papo com Presidentes nesta quarta-feira (15/09). Entre as atrações do evento está a feira de negócios interativa, que traz estandes das companhias com diversas atrações e novidades.

Abrindo o evento, o vice-presidente da Região 5 e diretor da Regional Bauru, Fernando Alvarez, parabenizou os participantes por buscarem atualização profissional. “O Sincor-SP está aqui para levar conhecimento e oportunidades diante de cenários desafiadores”. O diretor da Regional Marília, Walter Reis, concordou: “Agradecer a presença de todos e dar os parabéns por mais essa iniciativa inovadora do Sincor-SP, que está sempre preocupado em trazer o melhor para a categoria”.

Os diretores das Regionais Araraquara, Barretos e São José do Rio Preto, Roberto Placco, João Garrucho e Roberto Mantonvan, respectivamente, ressaltaram a organização e elaboração do Fórum. “Parabéns aos corretores por participarem desse evento de extrema importância para a nossa atualização profissional”, destacou Placco. “Que possamos tirar todo o proveito com o evento e que sirva de motivação para nosso engrandecimento”, revelou Garrucho. “Que o Fórum seja muito produtivo e enriquecedor para a categoria”, disse Matonvan.

Com a presença dos presidentes do Sincor-SP, Alexandre Camillo, da Sompo Seguros, Alfredo Lalia Neto, da SulAmérica, Ricardo Bottas, e da representante da Central Nacional Unimed, Andreia Paiva, o 1º vice-presidente da entidade, Boris Ber, mediou o talk show com presidentes questionando sobre a flexibilização do setor. “Diante das mudanças propostas pela Susep e de um novo cenário, como as seguradoras enxergam o futuro?”.

Para Lalia, o futuro é de otimismo, mas certa apreensão. “Temos uma carga bem grande de trabalho para nos adaptarmos, já que, a partir de agora, vai existir uma flexibilização muito maior no mercado, por isso, devemos estar atentos”, pontuou. “Hoje, devemos ter uma visão mais do cliente, sabendo que ele está no controle, por isso, devemos criar produtos mais flexíveis e que atendam as demandas do mercado”.

O presidente da SulAmérica citou as oportunidades provenientes da pandemia. “Apenas 22% da população tem um produto de saúde, 13% tem plano odontológico, 19% seguro de vida e 6% possui um plano de previdência. Temos que usar esse momento desafiador como oportunidade, vamos aproveitar essa jornada para acelerar o crescimento do setor”, destacou.

Representando a presidência da CNU, a superintendente Andreia Paiva, explicou que o sistema Unimed atua no formato de cooperativa e possui cerca de 250 unidades em todo Brasil. “ A CNU é a grande operadora, que gerencia toda essa estrutura. Atualmente, estamos com mais de 2 milhões de clientes, em contratos corporativos apenas. Vivemos um momento muito positivo, estamos pensando na jornada do cliente, que é o foco principal. E, para ter uma boa jornada do cliente, precisamos apostar no canal de distribuição que é o corretor de seguros”, ressaltou.

Camillo aconselhou a categoria a enxergar o privilégio da profissão. “O corretor de seguros precisa entender isso, em razão das oportunidades que essa atividade traz, o quanto nós podemos transitar por todos os setores da economia, temos um portfólio de seguros enorme para atender essas demandas”. Sobre o futuro, o presidente do Sincor-SP destacou: “A pandemia trouxe, sem dúvida nenhuma, uma visão da importância do produto seguro enquanto instrumento que oferece tranquilidade, segurança, mitigando riscos, reparando perdas, por isso, peço ao corretor que enxergue as oportunidades”.

As premiações oferecidas pela Sompo e SulAmérica, dois vouchers de R$ 2.500 da Americanas, foram para as corretoras Eliete Francisca Gonçalves Lasquevite e Marcia Cristina de Paiva Soriano. O Sincor-SP premiou Joaquim Carlos Martins com um kit home office, composto por cadeira, webcam, fone de ouvido e ring light.

O Fórum de Oportunidades ainda vai percorrer mais cinco regiões do Estado nos dias 15, 21, 22, 28 e 30 de setembro.


« Voltar